Autoritarismo e Patrimonialismo no Brasil

Autoritarismo e Patrimonialismo no Brasil - 40 Visões da Literatura e da Academia (1500-2021) - De Acordo com a Legislação Brasileira

Fábio Lins de Lessa Carvalho

Hojear

Versión impresa

¡En España solamente se venden en librerías!

Versão digital

Disponible para: Android iOS
por € 45,76 + IVA Añadir a la cesta


Detalles

Autor/Autores: Fábio Lins de Lessa Carvalho

ISBN v. impressa: 978989712824-0

ISBN v. digital: 978655605720-0

Encuadernación: Tapa blanda

Número de páginas: 572

Publicado el: 18/08/2021

Idioma: Português Brasileiro

Sinopsis

De forma inovadora, o presente livro investiga dois dos maiores problemas da sociedade brasileira: o autoritarismo (rechaço à democracia) e o patrimonialismo (negação da res publica), a partir da interpretação de 40 textos que marcaram o pensamento da intelectualidade brasileira.

Com muita leveza, ecletismo e riqueza de informações, o autor percorre os cinco séculos da história brasileira, apresentando tanto a contribuição vinda da literatura como a presente nos relatórios oficiais de Pero Vaz de Caminha e de Graciliano Ramos prefeito, na poesia de Gregório de Matos, na historiografia de Frei Vicente do Salvador, no sermão de Padre Antônio Vieira, nos contos de Machado de Assis e Guimarães Rosa, nos projetos para o país de José Bonifácio de Andrada, Tavares Bastos e Joaquim Nabuco, no livro de viagem de Stefan Zweig, nos romances de Euclides da Cunha, Lêdo Ivo e Erico Veríssimo, nas crônicas satíricas de Tomás Antônio Gonzaga, Lima Barreto e Mário de Andrade, e nas peças teatrais de Ariano Suassuna e Dias Gomes, assim como a contribuição oriunda das obras clássicas do meio acadêmico brasileiro, como as de Gilberto Freyre, Caio Prado Júnior, Sérgio Buarque de Holanda, Victor Nunes Leal, Raymundo Faoro, Celso Furtado, Roberto DaMatta, Darcy Ribeiro, Florestan Fernandes e Simon Schwartzman; de textos quase esquecidos, como do conservador Oliveira Vianna, do modernista Paulo Prado, do comunista Octávio Brandão, do liberal José Osvaldo de Meira Penna, das sociólogas Maria Isaura de Queiróz e Maria Sylvia de Carvalho Franco, e de autores contemporâneos como Marilena Chauí, Leandro Karnal, José Murilo de Carvalho, Jessé Souza e Lilia Moritz Schwarcz.

Ao analisar cada uma dessas obras, o professor Fábio Lins revela a alma nacional e escancara nossas mazelas, presentes em um catálogo com mais de 400 “ismos” que representam a negação dos valores que já deveriam estar consolidados na realidade brasileira no século XXI: a democracia, a república, a igualdade, a ética e a cidadania.

Autor/Autores

FÁBIO LINS DE LESSA CARVALHO

Doutor em Direito Administrativo pela Universidad de Salamanca (Espanha). Professor de Direito da Graduação e Mestrado da Universidade Federal de Alagoas e do Centro Universitário CESMAC. Procurador do Estado de Alagoas. Sócio efetivo do Instituto Histórico e Geográfico de Alagoas – IHGAL. Presidente do Instituto de Direito Administrativo de Alagoas – IDAA. Escritor.

Sumario

BRASIL COLÔNIA, p. 17

1 CARTA DO ACHAMENTO DO BRASIL/1500, DE PERO VAZ DE CAMINHA, p. 19

2 HISTÓRIA DO BRASIL/1627, DE FREI VICENTE DO SALVADOR, p. 29

3 EPÍLOGOS/FINAL DO SÉCULO XVII, DE GREGÓRIO DE MATOS, p. 35

4 SERMÃO DO BOM LADRÃO/1655, DE PADRE ANTÔNIO VIEIRA, p. 41

5 CARTAS CHILENAS/1789, DE TOMÁS ANTÔNIO GONZAGA, p. 49

BRASIL IMPÉRIO, p. 61

6 PROJETOS PARA O BRASIL/1823-1829, DE JOSÉ BONIFÁCIO DE ANDRADA E SILVA, p. 63

7 OS MALES DO PRESENTE E AS ESPERANÇAS DO FUTURO/1861, DE TAVARES BASTOS, p. 73

8 TEORIA DO MEDALHÃO/ 1881, DE MACHADO DE ASSIS, p. 83

9 O ABOLICIONISMO/1883, DE JOAQUIM NABUCO, p. 95

PRIMEIRA REPÚBLICA, p. 109

10 OS SERTÕES/1902, DE EUCLIDES DA CUNHA, p. 111

11 OS BRUZUNDANGAS /1917, DE LIMA BARRETO, p. 125

12 AGRARISMO E INDUSTRIALISMO/1924, DE OCTÁVIO BRANDÃO, p. 139

13 RETRATO DO BRASIL. ENSAIO SOBRE A TRISTEZA BRASILEIRA/1928, DE PAULO PRADO, p. 147

14 POPULAÇÕES MERIDIONAIS DO BRASIL/1920, DE OLIVEIRA VIANNA, p. 161

15 MACUNAÍMA, O HERÓI SEM NENHUM CARÁTER/1928, DE MÁRIO DE ANDRADE, p. 179

16 RELATÓRIO DE GESTÃO/1929, DE GRACILIANO RAMOS, p. 191

ERA VARGAS, p. 213

17 CASA-GRANDE & SENZALA/1933, DE GILBERTO FREYRE, p. 215

18 RAÍZES DO BRASIL/1936, DE SÉRGIO BUARQUE DE HOLANDA, p. 229

19 BRASIL, UM PAÍS DO FUTURO/1941, DE STEFAN ZWEIG, p. 245

20 FORMAÇÃO DO BRASIL CONTEMPORÂNEO/1942, DE CAIO PRADO JÚNIOR, p. 263

REPÚBLICA POPULISTA (QUARTA REPÚBLICA), p. 279

21 A HORA E A VEZ DE AUGUSTO MATRAGA/1946, DE GUIMARÃES ROSA, p. 281

22 CORONELISMO, ENXADA E VOTO/1949, DE VICTOR NUNES LEAL, p. 297

23 AUTO DA COMPADECIDA/1955, DE ARIANO SUASSUNA, p. 309

24 OS DONOS DO PODER/1958, DE RAYMUNDO FAORO, p. 329

25 FORMAÇÃO ECONÔMICA DO BRASIL/1959, DE CELSO FURTADO, p. 343

26 ODORICO, O BEM-AMADO /1962, DE DIAS GOMES, p. 353

DITADURA MILITAR, p. 371

27 O MANDONISMO LOCAL NA VIDA POLÍTICA BRASILEIRA/1969, DE MARIA ISAURA PEREIRA DE QUEIROZ, p. 373

28 HOMENS LIVRES NA SOCIEDADE ESCRAVOCRATA/1969, DE MARIA SYLVIA DE CARVALHO FRANCO, p. 383

29 INCIDENTE EM ANTARES (1971), DE ERICO VERISSIMO, p. 391

30 NINHO DE COBRAS/1973, DE LÊDO IVO, p. 405

31 A REVOLUÇÃO BURGUESA NO BRASIL/1975, DE FLORESTAN FERNANDES, p. 415

32 BASES DO AUTORITARISMO BRASILEIRO/1975, DE SIMON SCHWARTZMAN, p. 429

33 CARNAVAIS, MALANDROS E HERÓIS/1979, DE ROBERTO DAMATTA, p. 439

REDEMOCRATIZAÇÃO, p. 451

34 O DINOSSAURO/1988, DE JOSÉ OSVALDO DE MEIRA PENNA, p. 453

35 O POVO BRASILEIRO/1995, DE DARCY RIBEIRO, p. 465

36 BRASIL: MITO FUNDADOR E SOCIEDADE AUTORITÁRIA/2000, DE MARILENA CHAUI, p. 479

37 CIDADANIA NO BRASIL. O LONGO CAMINHO/2001, DE JOSÉ MURILO DE CARVALHO, p. 489

38 A ELITE DO ATRASO/2017, DE JESSÉ SOUZA, p. 501

39 TODOS CONTRA NÓS/2017, DE LEANDRO KARNAL, p. 513

40 SOBRE O AUTORITARISMO BRASILEIRO/2019, DE LILIA MORITZ SCHWARCZ, p. 529

POSFÁCIO: MAIS UM 22 DE ABRIL, DE FÁBIO LINS DE LESSA CARVALHO, p. 543

REFERÊNCIAS, p. 557

Índice Alfabético

A

  • A Elite do Atraso/2017, de Jessé Souza. Redemocratização, p. 501
  • A Hora e a Vez de Augusto Matraga/1946, de Guimarães Rosa. República Populista (Quarta República), p. 281
  • A Revolução Burguesa no Brasil/1975, de Florestan Fernandes, p. 415
  • A Revolução Burguesa no Brasil/1975, de Florestan Fernandes. Ditadura Militar, p. 415
  • Agrarismo e Industrialismo/1924, de Octávio Brandão. Primeira República, p. 139
  • Ariano Suassuna. Auto da Compadecida/1955, de Ariano Suassuna. República Populista (Quarta República), p. 309
  • Auto da Compadecida/1955, de Ariano Suassuna. República Populista (Quarta República), p. 309

B

  • Bases do Autoritarismo Brasileiro/1975, de Simon Schwartzman, p. 429
  • Bases do Autoritarismo Brasileiro/1975, de Simon Schwartzman. Ditadura Militar, p. 429
  • Brasil Colônia, p. 17
  • Brasil Colônia. Carta do Achamento do Brasil/1500, de Pero Vaz de Caminha, p. 19
  • Brasil Colônia. Cartas Chilenas/1789, de Tomás Antônio Gonzaga, p. 49
  • Brasil Colônia. Epílogos/Final do Século XVII, de Gregório de Matos, p. 35
  • Brasil Colônia. História Do Brasil/1627, de Frei Vicente do Salvador, p. 29
  • Brasil Colônia. Sermão do Bom Ladrão/1655, de Padre Antônio Vieira, p. 41
  • Brasil Império, p. 61
  • Brasil Império. O Abolicionismo/1883, de Joaquim Nabuco, p. 95
  • Brasil Império. Os Males do Presente e as Esperanças do Futuro/1861, de Tavares Bastos, p. 73
  • Brasil Império. Projetos para o Brasil/1823-1829, de José Bonifácio de Andrada e Silva, p. 63
  • Brasil Império. Teoria do Medalhão/ 1881, de Machado de Assis, p. 83
  • Brasil, Um País do Futuro/1941, de Stefan Zweig. Era Vargas, p. 245
  • Brasil: Mito Fundador e Sociedade Autoritária/2000, de Marilena Chaui. Redemocratização, p. 479
  • Buarque de Holanda. Raízes do Brasil/1936, de Sérgio Buarque de Holanda. Era Vargas, p. 229

C

  • Caio Prado Júnior. Formação do Brasil Contemporâneo/1942, de Caio Prado Júnior. Era Vargas, p. 263
  • Carnavais, Malandros e Heróis/1979, de Roberto Damatta, p. 439
  • Carnavais, Malandros e Heróis/1979, de Roberto Damatta. Ditadura Militar, p. 439
  • Carta do Achamento do Brasil/1500, de Pero Vaz de Caminha. Brasil Colônia, p. 19
  • Cartas Chilenas/1789, de Tomás Antônio Gonzaga. Brasil Colônia, p. 49
  • Casa-Grande & Senzala/1933, de Gilberto Freyre. Era Vargas, p. 215
  • Celso Furtado. Formação Econômica do Brasil/1959, de Celso Furtado. República Populista (Quarta República), p. 343
  • Cidadania no Brasil. O Longo Caminho/2001, de José Murilo De Carvalho. Redemocratização, p. 489
  • Coronelismo, Enxada e Voto/1949, de Victor Nunes Leal. República Populista (Quarta República), p. 297

D

  • Darcy Ribeiro. O Povo Brasileiro/1995, de Darcy Ribeiro. Redemocratização, p. 465
  • Dias Gomes. Odorico, O Bem-Amado /1962, de Dias Gomes. República Populista (Quarta República), p. 353
  • Ditadura Militar, p. 371
  • Ditadura Militar, p. 371
  • Ditadura Militar. A Revolução Burguesa no Brasil/1975, de Florestan Fernandes, p. 415
  • Ditadura Militar. Bases do Autoritarismo Brasileiro/1975, de Simon Schwartzman, p. 429
  • Ditadura Militar. Carnavais, Malandros e Heróis/1979, de Roberto Damatta, p. 439
  • Ditadura Militar. Homens Livres na Sociedade Escravocrata/1969, de Maria Sylvia de Carvalho Franco, p. 383
  • Ditadura Militar. Incidente em Antares (1971), de Erico Verissimo, p. 391
  • Ditadura Militar. Ninho de Cobras/1973, de Lêdo Ivo, p. 405
  • Ditadura Militar. O Mandonismo Local na Vida Política Brasileira/1969, de Maria Isaura Pereira de Queiroz, p. 373

E

  • Epílogos/Final do Século XVII, de Gregório de Matos. Brasil Colônia, p. 35
  • Era Vargas, p. 213
  • Era Vargas. Brasil, Um País do Futuro/1941, de Stefan Zweig, p. 245
  • Era Vargas. Casa-Grande & Senzala/1933, de Gilberto Freyre, p. 215
  • Era Vargas. Formação do Brasil Contemporâneo/1942, de Caio Prado Júnior, p. 263
  • Era Vargas. Raízes do Brasil/1936, de Sérgio Buarque de Holanda, p. 229
  • Erico Verissimo. Incidente em Antares (1971), de Erico Verissimo. Ditadura Militar, p. 391
  • Euclides da Cunha. Os Sertões/1902, de Euclides da Cunha. Primeira República, p. 111

F

  • Fábio Lins de Lessa Carvalho. Posfácio: Mais um 22 de Abril, de Fábio Lins de Lessa Carvalho, p. 543
  • Florestan Fernandes. A Revolução Burguesa no Brasil/1975, de Florestan Fernandes. Ditadura Militar, p. 415
  • Formação do Brasil Contemporâneo/1942, de Caio Prado Júnior. Era Vargas, p. 263
  • Formação Econômica do Brasil/1959, de Celso Furtado. República Populista (Quarta República), p. 343
  • Frei Vicente do Salvador. História do Brasil/1627, de Frei Vicente do Salvador. Brasil Colônia, p. 29

G

  • Gilberto Freyre. Casa-Grande & Senzala/1933, de Gilberto Freyre. Era Vargas, p. 215
  • Graciliano Ramos. Relatório de Gestão/1929, de Graciliano Ramos. Primeira República, p. 191
  • Gregório de Matos. Epílogos/Final do Século XVII, de Gregório de Matos. Brasil Colônia, p. 35
  • Guimarães Rosa. A Hora e a Vez de Augusto Matraga/1946, de Guimarães Rosa. República Populista (Quarta República), p. 281

H

  • História do Brasil/1627, de Frei Vicente do Salvador. Brasil Colônia, p. 29
  • Homens Livres na Sociedade Escravocrata/1969, de Maria Sylvia de Carvalho Franco, p. 383
  • Homens Livres na Sociedade Escravocrata/1969, de Maria Sylvia de Carvalho Franco. Ditadura Militar, p. 383

I

  • Incidente em Antares (1971), de Erico Verissimo, p. 391
  • Incidente em Antares (1971), de Erico Verissimo. Ditadura Militar, p. 391

J

  • Jessé Souza. A Elite do Atraso/2017, de Jessé Souza. Redemocratização, p. 501
  • Joaquim Nabuco. O Abolicionismo/1883, de Joaquim Nabuco. Brasil Império, p. 95
  • José Bonifácio de Andrada e Silva. Projetos para o Brasil/1823-1829, de José Bonifácio de Andrada e Silva. Brasil Império, p. 63
  • José Murilo De Carvalho. Cidadania no Brasil. O Longo Caminho/2001, de José Murilo De Carvalho. Redemocratização, p. 489
  • José Osvaldo de Meira Penna. O Dinossauro/1988, de José Osvaldo de Meira Penna. Redemocratização, p. 453

L

  • Leandro Karnal. Todos Contra Nós/2017, de Leandro Karnal. Redemocratização, p. 513
  • Lêdo Ivo. Ninho de Cobras/1973, de Lêdo Ivo. Ditadura Militar, p. 405
  • Lima Barreto. Os Bruzundangas /1917, de Lima Barreto. Primeira República, p. 125

M

  • Machado de Assis. Teoria do Medalhão/ 1881, de Machado de Assis. Brasil Império, p. 83
  • Macunaíma, O Herói Sem Nenhum Caráter/1928, de Mário de Andrade. Primeira República, p. 179
  • Maria Isaura Pereira de Queiroz. O Mandonismo Local na Vida Política Brasileira/1969, de Maria Isaura Pereira de Queiroz. Ditadura Militar, p. 373
  • Maria Sylvia de Carvalho Franco. Homens Livres na Sociedade Escravocrata/1969, de Maria Sylvia de Carvalho Franco. Ditadura Militar, p. 383
  • Marilena Chaui. Brasil: Mito Fundador e Sociedade Autoritária/2000, de Marilena Chaui. Redemocratização, p. 479
  • Mário de Andrade. Macunaíma, O Herói Sem Nenhum Caráter/1928, de Mário de Andrade. Primeira República, p. 179
  • Mário de Andrade. Relatório de Gestão/1929, de Mário de Andrade. Primeira República, p. 191

N

  • Ninho de Cobras/1973, de Lêdo Ivo, p. 405
  • Ninho de Cobras/1973, de Lêdo Ivo. Ditadura Militar, p. 405

O

  • O Abolicionismo/1883, de Joaquim Nabuco. Brasil Império, p. 95
  • O Dinossauro/1988, de José Osvaldo de Meira Penna. Redemocratização, p. 453
  • O Mandonismo Local na Vida Política Brasileira/1969, de Maria Isaura Pereira de Queiroz, p. 373
  • O Mandonismo Local na Vida Política Brasileira/1969, de Maria Isaura Pereira de Queiroz. Ditadura Militar, p. 373
  • O Povo Brasileiro/1995, de Darcy Ribeiro. Redemocratização, p. 465
  • Octávio Brandão. Agrarismo e Industrialismo/1924, de Octávio Brandão. Primeira República, p. 139
  • Odorico, O Bem-Amado /1962, de Dias Gomes. República Populista (Quarta República), p. 353
  • Oliveira Vianna. Populações Meridionais do Brasil/1920, de Oliveira Vianna. Primeira República, p. 161
  • Os Bruzundangas /1917, de Lima Barreto. Primeira República, p. 125
  • Os Donos do Poder/1958, de Raymundo Faoro. República Populista (Quarta República), p. 329
  • Os Males do Presente e as Esperanças do Futuro/1861, de Tavares Bastos. Brasil Império, p. 73
  • Os Sertões/1902, de Euclides da Cunha. Primeira República, p. 111

P

  • Padre Antônio Vieira. Sermão do Bom Ladrão/1655, de Padre Antônio Vieira. Brasil Colônia, p. 41
  • Paulo Prado. Retrato do Brasil. Ensaio Sobre a Tristeza Brasileira/1928, de Paulo Prado. Primeira República, p. 147
  • Pero Vaz de Caminha. Carta do Achamento do Brasil/1500, de Pero Vaz de Caminha. Brasil Colônia, p. 19
  • Populações Meridionais do Brasil/1920, de Oliveira Vianna. Primeira República, p. 161
  • Posfácio: Mais um 22 de Abril, de Fábio Lins de Lessa Carvalho, p. 543
  • Primeira República, p. 109
  • Primeira República. Agrarismo e Industrialismo/1924, de Octávio Brandão, p. 139
  • Primeira República. Macunaíma, O Herói Sem Nenhum Caráter/1928, de Mário De Andrade, p. 179
  • Primeira República. Os Bruzundangas /1917, de Lima Barreto, p. 125
  • Primeira República. Os Sertões/1902, de Euclides da Cunha, p. 111
  • Primeira República. Populações Meridionais do Brasil/1920, de Oliveira Vianna, p. 161
  • Primeira República. Relatório De Gestão/1929, de Graciliano Ramos, p. 191
  • Primeira República. Retrato do Brasil. Ensaio Sobre a Tristeza Brasileira/1928, de Paulo Prado, p. 147
  • Projetos para o Brasil/1823-1829, de José Bonifácio de Andrada e Silva. Brasil Império, p. 63

R

  • Raízes do Brasil/1936, de Sérgio Buarque de Holanda. Era Vargas, p. 229
  • Raymundo Faoro. Os Donos do Poder/1958, de Raymundo Faoro. República Populista (Quarta República), p. 329
  • Redemocratização, p. 451
  • Redemocratização. A Elite do Atraso/2017, de Jessé Souza, p. 501
  • Redemocratização. Brasil: Mito Fundador e Sociedade Autoritária/2000, de Marilena Chaui, p. 479
  • Redemocratização. Cidadania no Brasil. O Longo Caminho/2001, de José Murilo De Carvalho, p. 489
  • Redemocratização. O Dinossauro/1988, de José Osvaldo de Meira Penna, p. 453
  • Redemocratização. O Povo Brasileiro/1995, de Darcy Ribeiro, p. 465
  • Redemocratização. Sobre o Autoritarismo Brasileiro/2019, de Lilia Moritz Schwarcz, p. 529
  • Redemocratização. Todos Contra Nós/2017, de Leandro Karnal, p. 513
  • Referências, p. 557
  • República Populista (Quarta República), p. 279
  • República Populista (Quarta República). A Hora e a Vez de Augusto Matraga/1946, de Guimarães Rosa, p. 281
  • República Populista (Quarta República). Auto da Compadecida/1955, de Ariano Suassuna, p. 309
  • República Populista (Quarta República). Coronelismo, Enxada e Voto/1949, de Victor Nunes Leal, p. 297
  • República Populista (Quarta República). Formação Econômica do Brasil/1959, de Celso Furtado, p. 343
  • República Populista (Quarta República). Odorico, O Bem-Amado /1962, de Dias Gomes, p. 353
  • República Populista (Quarta República). Os Donos do Poder/1958, de Raymundo Faoro, p. 329
  • Retrato do Brasil. Ensaio Sobre a Tristeza Brasileira/1928, de Paulo Prado. Primeira República, p. 147

S

  • Sermão do Bom Ladrão/1655, de Padre Antônio Vieira. Brasil Colônia, p. 41
  • Simon Schwartzman. Bases do Autoritarismo Brasileiro/1975, de Simon Schwartzman. Ditadura Militar, p. 429
  • Simon Schwartzman. Carnavais, Malandros e Heróis/1979, de Roberto Damatta. Ditadura Militar, p. 439
  • Stefan Zweig. Brasil, Um País do Futuro/1941, de Stefan Zweig. Era Vargas, p. 245

T

  • Tavares Bastos. Os Males do Presente e as Esperanças do Futuro/1861, de Tavares Bastos. Brasil Império, p. 73
  • Teoria do Medalhão/ 1881, de Machado de Assis. Brasil Império, p. 83
  • Todos Contra Nós/2017, de Leandro Karnal. Redemocratização, p. 513
  • Tomás Antônio Gonzaga. Cartas Chilenas/1789, de Tomás Antônio Gonzaga. Brasil Colônia, p. 49

V

  • Victor Nunes Leal. Coronelismo, Enxada e Voto/1949, de Victor Nunes Leal. República Populista (Quarta República), p. 297